A segurança, se não é a primeira, está entre as principais características mais procuradas na hora de organizar uma viagem, pois é indispensável. Sem ela, as férias podem virar um pesadelo, a viagem de negócios pode trazer um problema e o reencontro com a família pode criar transtornos. Não é para ser assim e não será.

Viajar de ônibus é uma opção atrativa para quem busca comodidade, preço em conta e, claro, segurança. Por isso, a companhia de ônibus deve manter uma vigilância constante a inúmeros fatores, algo que poucas companhias podem atestar.

Um panorama sobre a segurança nas estradas brasileiras

De acordo com dados do Observatório de Segurança Viária, cerca de 95% dos acidentes causados em estradas brasileiras acontecem devido à falha humana na condução ou à falta de manutenção dos veículos, erros que poderiam ter sido evitados com profissionalismo, treinamento e responsabilidade — o que confirma a importância de contratar uma companhia idônea quando a ideia for pegar a estrada.

A empresa que se propõe a trabalhar nas estradas do Brasil deve estar muito bem preparada não apenas para evitar problemas por falta de manutenção, mas também para lidar com falhas de colegas de rotas.

A segurança em uma viagem de ônibus depende da união de alguns fatores: o equilíbrio emocional do operador, as boas condições mecânicas e elétricas do veículo “e até mesmo de usuários tranquilos, bem-humorados e respeitosos”, informa Solange Franco, coordenadora de RH da Saritur.

Por trás de cada um desses pontos, existe um trabalho e uma equipe de pessoas que contribuem para que a segurança na viagem da Saritur seja garantida para todos os seus passageiros e funcionários.

Conheça a política de segurança nas viagens da Saritur

Se o perigo espreita, a segurança deve estar generalizada. Com ela, não se brinca. Por isso, é exigido um treinamento de segurança para todos os funcionários da Saritur. Assim, a empresa garante a melhor performance e a segurança esperada pelos passageiros.

“O treinamento exerce seu papel de maneira enfática e eficaz se os participantes, em primeiro lugar, encontram sentido naquilo que fazem, no trabalho que prestam e conseguem compreender que os maiores e melhores benefícios virão para si”, explica Solange Franco, da Saritur.

O Grupo Saritur empreende ações rotineiras voltadas para o aprendizado, autoconhecimento e para a capacitação técnica de seus colaboradores. Os treinamentos vão da teoria à prática, do exemplo à observação exaustiva do modelo a ser seguido, passando pela aplicação e pelo acompanhamento diário.

Alguns dos valores inerentes aos métodos estimulam a ensinar, orientar, praticar, observar, acompanhar, medir e ouvir. E, para todos, são oferecidas ferramentas voltadas para a expertise naquilo que fazem.

Quando observados erros ou desvios, eles são avaliados, discutidos e analisados em conjunto. Solange Franco chama atenção para os obstáculos que podem existir nesse meio. “Isso pode gerar um estado emocional que deve receber atenção”, alerta. De acordo com a missão da empresa, e para amenizar esses estados, é oferecido um suporte psicológico, por meio dos profissionais de RH.

Cada treinamento tem a sua especificidade. Seja técnico, operacional ou comportamental, ele visa influenciar a atitude e proatividade do funcionário. Também é trabalhada a firmeza, a autoconfiança, fatores determinantes na prestação de um bom serviço. Fatores esses que também ajudam a determinar a segurança na viagem da Saritur.

Dessa forma, os funcionários levam consigo uma bagagem de conhecimento e de experiência. Tudo isso poderá convergir em uma fonte de pré-requisitos favoráveis à execução de qualquer atividade e os levam a ter um diferencial.

Na rota da manutenção contínua

A Saritur cuida da manutenção de seus veículos e de sua rota há mais de 40 anos. São equipes especializadas para seguir e verificar o cumprimento de todos os cuidados e regulamentos obrigatórios para a frota.

A equipe realiza manutenções regulares de três formas:

  • preventiva: são estabelecidos ciclos de execução de troca de peças ou serviços mediante dados analisados por históricos estatísticos ou estabelecidos pelo fabricante do equipamento.
  • preditiva: os veículos são medidos periodicamente com ferramentas específicas e calibradas. Além disso, são utilizados serviços de softwares autorizados ou laboratórios qualificados que permitem que o corpo técnico da empresa tome as medidas para impedir as quebras inesperadas, reduzindo o custo operacional com o equipamento.
  • corretiva: é a mais incomum, uma vez que, devido ao trabalho de prevenção e cuidado, ela é reduzida. No entanto, esse tipo de manutenção também garante o reparo rápido das quebras e reduz qualquer incômodo em viagens.

O corpo técnico da equipe de manutenção é formado por um engenheiro mecânico,  mecânicos e eletricistas. Todos eles passam por formações no centro de treinamentos da empresa, além de serem treinados pelos fabricantes de equipamentos e demais profissionais.

“Todas estas ações nos permitem ter uma manutenção centrada na confiabilidade e maior disponibilidade do equipamento”, garante Edimar Oliveira, gerente de Manutenção da Saritur. “Assim, garantimos a satisfação do cliente, segurança e responsabilidade ambiental, focando na qualidade dos serviços prestados”.

O transporte rodoviário exige atenção, manutenção e treinamento — um dos seus grandes diferenciais em relação aos concorrentes e principalmente em relação ao transporte clandestino.

Além disso, a Saritur tem um centro de treinamento de manutenção para oferecer cursos que suprem a necessidade de conhecimento voltado aos diversos tipos de veículos. Esses cursos, assim como os ministrados pelos principais fornecedores, são voltados essencialmente aos colaboradores dos setores de Manutenção, Instrutoria, Gerência e Encarregados. Já os cursos básicos, como Metrologia, são ofertados a todos os interessados, inclusive a quem almeja o crescimento profissional dentro da empresa.

Os funcionários em foco

A Saritur é feita por pessoas e as pessoas também precisam de atenção e cuidado. Para manter o bom acompanhamento, os operadores da Saritur participam de cursos de reciclagem e treinamentos relacionados à telemetria, análise de acidentes, direção defensiva, monitoramento de câmeras, uso de aparelhos e dispositivos que auxiliam em sua segurança, controle de dados e suporte à distância.

Todo o pessoal da empresa participa de um treinamento introdutório, no qual recebem conhecimentos a respeito do funcionamento da empresa e especificidades de sua função antes de iniciar o trabalho. “Isso vale também para os que estiverem sendo promovidos internamente”, aponta Solange.

Todos os colaboradores recebem também informações voltadas aos processos preparatórios para a certificação da Norma ISO e sobre a responsabilidade com a segurança no trabalho e com o meio ambiente.

Outro treinamento que tem demonstrado um reflexo bastante positivo na capacitação dos colaboradores é chamado Retorno de Férias. Ele acontece mensalmente e possibilita que as diversas áreas da empresa levem aos colegas alguns dados que possam servir para atualização, sendo intercalados por dinâmicas e outras atividades que facilitam o fluxo de aprendizagem.

É notável que o aprendizado e os cuidados com a segurança se aplicam em tudo na Saritur. Eles estão na execução de cada tarefa específica: na condução dos veículos, na manutenção, nas revisões programadas, nas atividades técnicas, no suporte tecnológico e até na atividade de higienização dos automóveis.

Com a segurança garantida na viagem da Saritur, que tal entrar em contato com a empresa e programar sua viagem?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *